segunda-feira, 4 de maio de 2015

Hospital!

Poucos amigos sabem, mas semana passada meu pai foi internado. Ele é um velho teimoso e estressado, cardíaco e fumante, que mal se cuida!!
Dessa vez sua internação não teve nada haver com o coração, mas sim com o rim! O nível de creatinina e potássio subiu e meu pai ficou com tontura, desorientado, sem falar coisa com coisa... Ver um homem daquele tamanho, com aquela força, sem reconhecer as pessoas a sua volta e mal conseguir ficar de pé foi meio deprimente. Não, foi completamente deprimente!
Agora ele está passando por umas sessões de hemodiálise e já está melhor. Não sabemos se ele vai ter que continuar com isso ou se foi só uma medida de emergência, independente, ainda bem que agora ele está fora de risco.
Semana passada insisti tanto para ele ir ao hospital, que quase levo um pontapé do escritório dele. Se não fosse minha mãe pegar ele pela orelha e obrigá-lo a entrar na ambulância, não sei o que seria do meu pai! Pelo menos agora já dá para rir de situações como ela e minha madrasta brigando por horário de visitas.
Não estou dizendo que minha mãe ainda sente alguma paixão pelo meu pai, mas o territorialismo e posse são definitivamente um traço familiar!
Agora é só aguardar ele estabilizar, poder voltar pra casa e torcer para a hemodiálise não ser algo necessário para o resto da vida.