segunda-feira, 23 de junho de 2014

Como foi a Entrevista?

Mais de duas semanas que não tenho notícias do Samuca, a não ser uma ou outra postagem que ele fez no Facebook. Já fazia um tempo que nossas conversas estavam restritas a ele responder educadamente o que eu perguntava, mas não imaginei que as coisas chegariam no estado atual se eu não puxasse insistentemente assunto com ele.
No começo do mês, meu anjo veio morar em São Paulo. Fiquei tão feliz por ele finalmente vir para a mesma cidade que eu moro, não por eu ter esperança dele vir me ver, mas por saber que aqui existem inúmeras possibilidades de emprego e estudo.
A última pergunta que fiz para ele foi: "Como foi a Entrevista?" no dia 06 deste mês. Aguardei a resposta, mas ela não veio. Verdade que pensei em insistir, mas não quis atrapalhar... Bem, os dias foram passando e falar com ele ficou difícil, pois minha chateação só cresceu com essa demora em responder e tudo acabou como uma grande bola de neve.
Escrevi posts que ele curtiu, mas nunca deixou um comentário. Entre meus "bom dia" e "boa noite" o brilho foi enfraquecendo, pois a gente cansa... 
Continuo desejando toda felicidade do mundo para meu amigo, que um dia foi meu amor não correspondido, mas não quero mais correr atrás dessa atenção. Alguém pode até falar que só estou dizendo isso porque agora tenho um namorado... Isso pode até ser verdade, mas mesmo que eu continuasse sem namorado, uma hora ia cansar de amar sozinho e sempre ser eu a procurar amizade.
Isso pode ser só uma fase? Claro que pode e quando ela passar, estarei esperando ele entrar em contato comigo. Enquanto isso, vou resistindo "curtir" a maioria das coisas que ele posta.
Daí, você pergunta: "E se ele não entrar em contato com você, o que vai fazer?" Gente louca não pode dar certeza em uma resposta como essa, pois na verdade, não sei :)