segunda-feira, 24 de março de 2014

Qual e sua Intenção?

Medo, Amargura, Expectativa!
Meu coração não sabe se está feliz, com medo ou completamente apavorado..
Ressurge das cinzas o Pedro, falando pra gente conversar. Eu quero, mas não quero!
Ele vai falar o que eu quero ouvir e vai ficar tudo como antes?
Confiança...
Paixão...
Mágoa...
Desespero...
Lágrimas...
Ele tirou o chão dos meus pés e me lançou no abandono!
Eu não quero, mas agora crio expectativas...
Todas aquelas que nunca se concretizam, sabe?
Vou falar que ele não vai me atingir, mas é mentira. Já estou sofrendo...
Já estou triste de novo e já estou chorando, amargurado com tudo que nunca acontece...
Gritaria se pudesse...

Um dia ele me disse, que se fosse para ter medo, era melhor não continuar. Eu fechei os olhos e segui atrás dele, confiando que ele estava me guiando... 

Estou com raiva e quero falar coisas na tentativa de te machucar também, mas eu não sou assim! Se for para brincar, por favor, vai embora! Não pense que estou e pé, que aguento outro baque e que vou conseguir seguir em frente de novo se você me machucar.

Minha cabeça está dando voltas, meu coração está amargurado e meu estômago já está dando sinais de revirar... Se eu pudesse, me encolheria na cama e apagaria até tudo estar resolvido, mas minha vida nunca foi tão fácil.

Vou escutar o que ele tem a falar. É o mínimo que posso fazer por mim mesmo. Depois eu choro...